36Linhas lança site em 3 idiomas

A editora 36Linhas acabou de lançar seu novo site, em novo e definitivo endereço http://36linhas.com  É um site em 3 idiomas (português, inglês e espanhol) que passa a oferecer além dos titulos nos 3 idiomas, games casuais com seus personagens e muito mais livros gratuitos, entre outras novidades. Vale a visita! 36Linhas convida o acesso pelo link abaixo:
36Linhas

Lançamento de site de arte

Para você que gosta de arte ou foto, acabei de lançar o site DigArt (está em inglês, mas aceito em reais também) com minhas artes. Lá é possível ver e comprar o acervo produzido por mim, ou encomendar sua foto, da familia ou amigos. Pode encomendar do artista ou personagem preferido ou ainda de você com seu artista ou personagem preferido. Para quem ficou curioso ao ver a imagem acima, sobre minha técnica, eu explico: desenhei em vetor sobre a foto, exclui a foto, depois pintei.
DigArt

Biblioteca Digital Mundial

Pesquisar conhecimento na internet é fácil, porém qualidade e principalmente confiabilidade torna a busca e os resultados uma loteria. Uma das poucas fontes confiáveis que apresento para você seja, educador, aluno ou pesquisador é a Biblioteca Digital Mundial, disponível em seis idiomas. Ela oferece milhares de conteúdos que vão do ano 1200 até o ano de 2000 sobre cento e noventa e quatro paises. Oferece ainda mapas interativos e linhas cronológicas.
Biblioteca Digital Mundial

Pesquise e leia livros raros dos séculos XVI, XVII, XVIII e XI

Livros são a síntese e ferramenta de propagação do conhecimento, dito isto nada mais é preciso. Agora imagine livros raros, como podemos defini-los? De qualquer forma imagine ter acesso online a preciosidades escritas nos séculos XVI, XVII, XVIII e XI? Começa a ser possível graças a iniciativa do Mosteiro de São Bento da Bahia. Você pode fazer a busca por autor, século ou idioma (Alemão, Espanhol, Francês, Italiano, Latim e Português). Só posso dizer que a experiência é maravilhosamente rica.
Mosteiro de São Bento da Bahia - Livros Raros

Oferecer ou apoiar projetos culturais

Apoiar a cultura é uma das coisas mais ditas e pouco praticadas e a muito tempo. A internet acabou ajudando a propagar a cultura num nível sem precedentes, no entanto muito da cultura precisa ser feito e existir fora dela. Financiamento de ações e projetos culturais sempre foi problemático no Brasil, afinal aqui o modelo trazido pelos portuguêses, de especulação e exploração, nunca foi substituido pelo de investimento em produção e apoio a iniciativas de crescimento (os bancos são o pior destes exemplos). No entanto algumas iniciativas que apoiam financeiramente projetos em especial os culturais, precisa ser divulgados. é o caso do Partio, lá você pode oferecer ou apoiar projetos culturais.
Partio

Livros para crianças de 0 a 5 anos

Se você tem filhos, sobrinhos ou netos de 0 a 5 anos precisa conhecer a coleção de ebooks das bolhas de sabão Flip Flap escritos e ilustrados por Silvia Strufaldi. São 4 livros digitais: Flip Flap conhecem os anjos, Flip Flap conhecem a cidade, Flip Flap conhecem a fazenda e Flip Flap conhecem o mar. Estão disponíveis exclusivamente na Amazon em português e inglês.
Flip Flap em português
Flip Flap em inglês

Busca por ebooks em PDF

Procurar textos em pdf usando o Google ou o Bing é complicado? É. o site PDFFetch talvez seja a solução para seus problemas. Lá você pode buscar textos em geral em pdf, ebooks, apresentações e todo o tipo de documento em pdf em inglês.
PDFFetch

Viaje pelo mundo sem sair de casa

Você já conhece o Google Maps, mas já imaginou fazer viagens virtuais com ele? Pois está é a proposta do GeoGuessr. Ele propõe que você explore o mundo sem sair de casa, passeando por lugares de sua escolha, com passeio por imagens reais. Vale conhecer.
GeoGuessr

Rede social da literatura

Você gosta de ler? Gosta também de escrever? Quer publicar? Gosta de uma rede social? Que tal participar da Widbook, a rede social da literatura. Lá você lê, escreve, publica e compartilha.
Widbook

Google Cultural Institute

Uma das ações da Google mais relevantes destas últimas semanas, foi ter não só, criado o Google Cultural Institute, mas oferecido no site exclusivo da iniciativa, um volume considerável de informação e conteúdo cultural, que considero educacional. Baseado numa linha de tempo, todo o conteúdo é apresentado de forma dinâmica e rica, uma fonte poderosa de pesquisa e estudo. Lá você tem acesso a conteúdos em texto, fotos e videos sobre: Holocausto ou Apartheid, Dia D; personalidades históricas como Anne Frank ou Nelson Mandela e muito mais.
Google Cultural Institute